25 janeiro 2012

Zombei de Deus

Em 2011 eu:

Ri, bebi, cresci, evoluí, me iludi, curti, aprendi, saí, me diverti, mas não morri...

Eu chorei, beijei, sonhei, errei, me decepcionei, zuei, realizei...
Briguei, apaixonei, mudei, dancei, aproveitei, lembrei, fui lembrada, conheci novos amigos e, enfim, VIVI!
Apesar de tudo não morri...

Daiane de Sousa Albuquerque






"...de Deus, ninguém zomba; porque tudo que o homem semear, isso também ceifará" (gálatas 5:7)

Um comentário:

  1. os jovens têm toda força, disposição para fazer tudo que quizer na suas vidas, outros chegam até se estrapolarem, passam do limite. Mas eles se reconhecem que estão errados e voltam a trás se arrependem. Isso é muito bom se arrepender dos erros cometidos, e nãos praticar mais .

    ResponderExcluir