17 fevereiro 2012

Mensagens que Edificam...

O Herdeiro e o escravo

          Ansiedade é uma epidemia espiritual. Destrói a ação da fé, consome as energias físicas e espirituais, além de contaminar aqueles que estão próximos da vítima.
          Muitas vezes, essa maldição nasce com uma perguntinha inocente, mas cretina. E, sem querer querendo contaminar, diz:
— Oi, amiga!!! Como vai? Tudo bem?
          Isso dá início à conversa anêmica.
— E aí? Tem namorado? Quando vai se casar?
          Alguns falidos na vida sentimental são usados para
contaminar os outros com suas frustrações.
          O objetivo não é o interesse no bem-estar da amiga. Mas fazê-la lembrar de sua ferida quase cicatrizada, suscitar o desejo de realizar algo que já não mais ocupava sua cabeça e retirar a paz de espírito alcançada pela fé até aquele momento.
          É realmente satânico.
          Pois é. Como esta, outras tantas insinuações são colocadas só para criar a maldita ansiedade.
          O Senhor Jesus não sugeriu eliminar ansiedades, mas avisou, num sentido de mandamento: “Não andeis ansiosos de coisa alguma.” Mateus 6.25 - Filipenses 4.6
          Para neutralizar o espírito da ansiedade é bom saber que Deus não dá aos Seus filhos aquilo que eles querem, mas o que precisam.
          Como dar à criança uma moto, se ela não sabe nem andar de  bicicleta? Só o irresponsável faz isto!
          Esqueça, fuja e resista a suas ansiedades e Deus lhe dará tudo o que você estiver pronto para receber e muito mais.
Medite nesse versículo:
“Digo, pois, que, todo o tempo em que o herdeiro é menino, em nada difere do servo, ainda que seja senhor de tudo. Mas está debaixo de tutores e curadores até ao tempo determinado pelo pai.” Gálatas 4.1,2
Fonte: Blog do 
bispo Macedo

Nenhum comentário:

Postar um comentário