19 novembro 2012

O REINO DO ESPÍRITO SANTO



Justiça é o que caracteriza o Reino de Deus.
Injustiça é o que caracteriza o reino do inferno. E essa foi a razão do divórcio entre a criatura e o Criador.
Deus-Pai escolheu Abraão para gerar um reino de justiça. Este seria o diferencial dos demais reinos da Terra.
Estabeleceu-se então o...
...reino de Israel. Mas este também quebrou a aliança com o Criador.
De Israel o Senhor Deus trouxe Seu Filho ao mundo. A partir dEle nasceu o Reino de Deus na Terra. Reino este estabelecido no coração de Seus seguidores.
Ao obedecerem às regras, às leis, aos mandamentos ou à Palavra de Jesus, os seguidores tornam-se cidadãos do Reino de Deus. Porém, havendo desobediência, automaticamente, são excluídos do Reino pela própria insubordinação.
O Reino de Deus aqui na Terra é a Igreja composta de membros obedientes ao Cabeça, Senhor Jesus.
Quando o Deus-Filho ascendeu aos Céus, assentou-Se à direita do Deus-Pai. E enviou o Deus-Espírito Santo para "substituí-Lo" na condução desse Reino ou Igreja.
Portanto, os membros desse Reino ou Igreja vivem sob a direção do Cabeça através do Seu Espírito Santo.
É impossível um membro do Corpo do Senhor Jesus viver fora da disciplina, da ordem e da justiça do Reino de Deus.
Se há desobediência à Palavra vinda do Cabeça é porque não faz parte do Seu Corpo.
O membro do Reino de Deus é disciplinado, carrega em si o caráter de seu Senhor, ama a justiça e luta por ela.
“Porque vos digo que, se a vossa justiça não exceder em muito a dos escribas e fariseus, jamais entrareis no Reino dos Céus.” Mateus 5.20
Fonte: Blog do bispo Macedu

Um comentário: